Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Pergunta de uma caloira

por samokal, em 03.11.08

ESTA FOI A PERGUNTA DE UMA CALOIRA DA FACULDADE DE
MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SAÚDE DO PORTO SOBRE PAPILAS
GUSTATIVAS, QUE ATÉ JÁ DEU ORIGEM A UM PROGRAMA DO HOMEM QUE
MORDEU O CÃO.


Esta história é verídica. Numa aula de biologia, o professor estava a falar sobre o alto teor de glicose encontrado no sémen, quando uma caloira levantou o braço e perguntou:
- Se eu entendi bem, o senhor professor está a dizer que se encontra muita glicose no sémen.
- Seria tanto quanto no açúcar?
- Sim. Respondeu o professor.
- Então por que é que o gosto não é doce?
Após um silêncio de estupefacção, a turma toda escangalhou-se a rir. A pobre caloira ficou roxa de vergonha assim que percebeu quão impensada foi sua pergunta. A resposta do professor, entretanto, foi clássica:
- O gosto não é doce porque as papilas gustativas que reconhecem o sabor doce, encontram-se na ponta da língua e não no fundo da garganta...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:15

Anedota do dia

por samokal, em 25.10.07
Na escola, a professora falava dos animais:

- Para que serve a ovelha, rafaela?

- Pra nos dar a lã, fessora...

- E para que serve a galinha, Marcos?

- Pra nos dar os ovos...

- E para que serve a vaca, Joãozinho?

- Pra nos passar os trabalhos  de casa...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:28

Composição do Joãozinho

por samokal, em 19.10.07
Eu gosto muito de rãs. As rãs arrotam a noite toda. As rãs são mais pequenas que as vacas e mais grandes que um pintelho. As rãs não têm pintelhos.

As rãs põem ovos pela paxaxa que depois dão rãzinhas pequenas. Se as rãs tivessem pintelhos na paxaxa arranhavam os ovinhos que são muito pequenininhos e as rãzinhas que estão lá dentro iam morrer porque entrava água pelas arranhadelas e elas morriam afogadas e porque quando são pequenas não têm patas não sabem nadar.

Eu também ainda não tenho pintelhos mas já sei nadar. Também ainda não tenho paxaxa mas um dia vou ter muitas.

As rãs são as mulheres dos sapos. Os sapos não têm unhas por isso não podem coçar os tomates.

É por isso que eles andam com as pernas abertas a arrastar os tomates que é para os coçar. E quando se picam nos tomates os sapos dão saltos.

As rãs também dão muitos saltos, por isso têm a paxaxa sempre aos saltos. Eu gosto muito de rãs. E gosto muito de sapos.

João, 6º ano

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:21

Excelente raciocinio

por samokal, em 13.07.07
Numa sala de aula. Professora:
        - Estão três patos num lago, o caçador atira uma chumbada e acerta no do meio, quantos patos ficam vivos?
        Zézinho:
        - Nenhum Sra. professora, porque o chumbo é grosso e mata todos os patos.
        Prof.:
        - Não, não, sobram dois ... mas gostei do teu raciocínio.
        A aula continua, e passado um bocado o Zézinho pergunta:
        - Sra. Professora responda-me a uma pergunta: Estão três mulheres a comer um gelado, uma lambe, a outra chupa e a outra trinca. Qual delas é casada?
        - Hummm, não sei ... a que chupa?
        - Não, não, é a que tem a aliança no dedo ... mas gostei do seu raciocínio!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:46

THE BEST OF JOÃOZINHO

por samokal, em 07.06.07

    Na escola, a professora falava dos animais:
    - Para que serve a ovelha, Marcinha?
    - Pra nos dar a lã, fessora...
    - E para que serve a galinha, Marquinho?
    - Pra nos dar os ovos...
    - E para que serve a vaca, Joãozinho?
    - Pra nos passar o dever de casa...
    _____________________________________________________________
    A professora pergunta:
    - Do que você mais gosta, Aninha?
    - Da mamã!
    - E você, Paulinho?
    - Do papa!
    - E você, Joãozinho?
    - De xoxota!
    - Menino mal educado, você está de castigo. Vá pra casa e escreva 100
  vezes: "Eu não devo mais falar palavrão".
    No dia seguinte a professora pergunta:
    - Joãozinho, você contou pro papai o que você disse ontem na aula?
    - Contei!
    - E o que ele disse?
    - Ele disse que cú também é uma delicia!
    _____________________________________________________________
    O professor começa a sua aula.
    Hoje vamos falar de órgãos do corpo humano que são números pares.
    Por exemplo, nós temos dois olhos, dois é par.
    - Mariazinha, dê outro exemplo de órgãos pares.
    - As orelhas, fessor...
    - Muito bem! Outro exemplo, Juquinha.
    - Os ovos.
    O professor fica meio acabrunhado, mas aceita a resposta.
    - Tudo bem, Juquinha. Joãozinho, outro exemplo.
    - O pinto, professor.
    - Peraí, Joaozinho, nós só temos um pinto!
    - O meu pai tem dois: um pequenininho que ele usa pra fazer xixi e um
  grandão que mamãe usa pra escovar os dentes.
    _____________________________________________________________
    A professora para o Joãozinho:
    - Joãozinho, qual o tempo verbal da frase: "Isso não podia ter
  acontecido"?
    - Preservativo imperfeito, professora!
    ____________________________________________________________
    A professora escorrega e leva o maior tombo na sala de aula. Na queda, o
  seu vestido sobe-lhe até a cabeça.
    Levanta-se imediatamente, ajeita-se, e interroga os alunos:
    - Luisinho, o que você viu?
    - Seus joelhos, professora.
    - Uma semana de suspensão!
    - E você, Carlinhos?
    - Suas coxas, professora.
    - Um mês de suspensão
    - E você, Joãozinho?
    Joãozinho pega os cadernos e vai saindo da sala:
    - Bom, galera, até o ano que vem..
    _____________________________________________________________
    Irritado com seus alunos, o professor lançou um desafio. Aquele que se
  julgar burro, faça o favor de ficar de pé. Todo mundo continuou sentado.
    Alguns minutos depois, Joãozinho se levanta.
    - Quer dizer que você se julga burro?- perguntou o professor,  indignado.
    - Bem, para dizer a verdade, não! Mas fiquei com pena de ver o senhor
  aí, em pé, sozinho!!!
    _____________________________________________________________
    Era o dia do exame final. O Joãozinho ia ser examinado pela Professora em
  prova oral, e a professora, que era nova na escola, iria ser observada
  pelo diretor. Sentam-se a Professora e o Joãozinho, um De frente para o
  outro, e o Diretor ficou em pé, atrás do menino. A professora pergunta:
    - Joãozinho, o que D. Pedro I disse quando proclamou a independência Do
  Brasil? (nisso a professora derruba o lápis, e abaixa-se para pegar).
    Quando a professora se levanta, pergunta:
    - E, então, Joãozinho o que ele disse?
    - Peitinhos maravilhosos!
    - Não é nada disso! Zero! - diz a Professora, nervosa.
    O Joãozinho vira-se pro diretor:
    - Pô, seu filho-da-puta! Se não sabe, não sopra!
    _____________________________________________________________
    O pai do Joãozinho ficou apavorado quando este lhe mostrou o boletim.
    - Na minha época as notas baixas eram punidas com uma boa surra.
    - Legal pai! Que tal pegarmos o professor na saída amanhã?
    _____________________________________________________________
    Na escola, a professora explica: Se eu digo "fui bonita" é passado.
    Se digo "sou bonita" o que é Joãozinho?
    - É mentira...
    _________________________________________________________________
     Durante o jantar, Joãozinho conversa com a mãe:
    - Mamãe, porque é que o papai é careca?
    - Ora, filhinho... Porque ele tem muitas coisas para pensar e é Muito
  inteligente!
    - Mas mamãe... então porque é que você tem tanto cabelo?
    - Cala a boca e come logo esta porra de sopa, menino!
    _____________________________________________________________
    Próximo ao natal, Joãozinho resolveu escrever uma carta pro papai Noel,
  pedindo uma bicicleta. "Papai Noel, fui um ótimo garoto este ano,
  ajudei meu pai, minha mãe e até meu irmãozinho, quero uma bicicleta".
    Então parou e pensou:
    - Ele não vai acreditar, vou refazer a carta.
    "Papai Noel, sei que não fui muito bom este ano, mas acho que ainda
  mereço uma bicicleta".
    Não satisfeito, ele joga a carta fora, vai até o presépio, pega a imagem
  de Maria, coloca dentro do sapato e escreve a seguinte carta:
    "Jesus, estou com sua mãe, se quiser vê-la inteira de novo, mande o Papai
  Noel me dar uma bicicleta".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:08

eXTReMe Tracker


Mais sobre mim


Pesquisa

Pesquisar no Blog  

Posts mais comentados


Arquivos

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D